Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

«Escaparate de Utilidades»
Pó Tokalon

Jornal "O Diabo", 30 de Dezembro de 1939

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Novo documentário sobre Sousa Mendes

Um novo documentários sobre Aristides de Sousa Mendes, que está a ser realizado na Argentina, deverá estrear até ao final do ano no Festival de Direitos Humanos.

O filme está a ser realizado por Victor Lopes, um luso-descendente, e tem como protagonistas os actores Melissa Zwanck e Nahuel Padrevecchi.

O realizador referiu recentemente num comunicado que a história de Sousa Mendes é praticamente desconhecida na América do Sul, mas que, enquanto descendente de portugueses, se sente orgulhoso da acção do ex-cônsul de Bordéus: "Aristides foi um homem como qualquer outro, só que numa dessas encruzilhadas onde a vida nos costuma colocar não reagiu como a maioria".

"Para Aristides teria sido muito fácil desocupar com o exército ou a polícia os jardins da Embaixada que, naquela altura, estavam cheios de homens, mulheres e crianças perseguidos em busca de um salvo-conduto que os levasse para o porto de Lisboa, no entanto, ele não o fez... O que faria eu? O que faria você? O que fariam os embaixadores actuais de Portugal à volta do mundo?", questiona Victor Lopes.

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Lançamento de "Estoril" no Hotel Palácio

O livro "Estoril" de Dejan Tiago Stankovic é lançado esta tarde no Hotel Estoril Palácio, no Estoril, um espaço que é também palco de vários acontecimentos relatados na obra.

"Estoril", que já foi premiado pela Academia de Belgrado, passa-se em Portugal durante a II Guerra Mundial e mistura acontecimentos reais com ficção tendo como figura central o espião Dusko Popov, aliás "Tricycle", um agente duplo que trabalhou para alemães e britânicos e que teve papel fundamental na rede montada para desviar as atenções dos nazis da Normandia no Dia D.

Popov, uma personagem bem real, passou várias vezes por Portugal e o autor, também de origem Sérvia, conseguiu localizar no nosso país uma mala com alguns pertences desta personalidade que segundo vários especialistas foi a inspiração para o 007, de Ian Fleming. Popov era um mulherengo, jogador e gastou fortunas nas voltas da guerra.

O livro incluí também outros nomes sonantes que passaram pelo Estoril durante a guerra, nomeadamente, Jean Renoir, os Rothschild, os Habsburgos, Eduardo VIII, Saint-Exupéry, o deposto rei Carol II da Roménia, Salvador Dali, Marc Chagall, Zsa Zsa Gábor, o campeão mundial de xadrez russo Alexander Alekhine entre outros.


Mais logo às 18.30 no Hotel Estoril... Também vou estar por lá.

Carlos Guerreiro

terça-feira, 22 de novembro de 2016

Localizado novo tripulante do Lancaster de Vila Chã

Através das redes sociais foi possível contactar o neto do Sargento Gordon Edward Deschaine, um dos tripulantes, do bombardeiro britânico Lancaster, que aterrou de emergência em Vila Chã, perto de Vila do Conde.

O sargento Gordon Edward Deschaine, 
um dos tripulantes que aterrou em Vila Chã em 1943.

Infelizmente o veterano encontra-se muito doente com Alzheimer, mas continuam os contactos com a família no sentido de trocarmos mais informação.

Um ano depois da inauguração em Vila Chã de um memorial recordando a aterragem forçada do bombardeiro continuam a surgir novidades.

O trabalho realizado especialmente pelo Bruno Costa que produziu o vídeo reconstituindo o acontecimento, colaborou na criação do memorial e de um espaço no museu local, continua a dar frutos.

Recordo que já tinha sido possível localizar o filho do piloto Stanley Jones e o sobrinho do artilheiro Charles Smith Cook, que também esteve presente na cerimónia de inauguração do monumento.

Carlos Guerreiro